Read, hack, repeat

Banido de quase todas as redes sociais, Trump planeja lançar sua própria

Guilherme Petry 0 min

Banido de quase todas as redes sociais, o ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pretende voltar as redes sociais, mas dessa vez em sua própria plataforma, onde não vai poder ser banido.

De acordo com um assessor do ex-presidente, o lançamento da rede social de Trump deve acontecer em cerca de "dois ou três meses". O assessor acredita que dezenas de milhares de pessoas vão se cadastrar na rede social assim que for lançada. "Esta nova plataforma será grande", diz.

"Veremos o [ex] presidente Trump retornando às mídias sociais em provavelmente cerca de dois ou três meses, com sua própria plataforma. E isso é algo que eu acho que será o ingresso mais quente na mídia social, vai redefinir completamente o jogo, e todos estarão esperando e observando para ver o que exatamente o presidente Trump faz", disse o assessor em entrevista ao Foz News.

Em janeiro deste ano, Donald Trump foi banido do Twitter, do Facebook e do Snapchat; de acordo com as redes, por não repreender claramente as invasões ao Capitólio (congresso do Senado e da Câmara, além de centro legislativo), em Washington, EUA, e por disseminar uma teoria de manipulação de votos em relação ao resultado das eleições de 2020.

Não foram informados mais detalhes sobre o desenvolvimento ou lançamento da rede social. Mas, certamente ela vai ter a cara dele, se é que você me entende.

Donald Trump durante evento CPAC 2011 em Washington, EUA. Foto: Gage Skidmore /CC BY-SA 2.0
Donald Trump durante evento CPAC 2011 em Washington, EUA. Foto: Gage Skidmore /CC BY-SA 2.0

Fontes: Fox News; Cnet.

Compartilhar twitter/ facebook/ Copiar link
Você se inscreveu com sucesso no The Hack
Bem vindo de Volta!
Massa! Você se registrou com sucesso.
Sucess! Sua conta está completamente ativada.