Read, hack, repeat

Como se proteger de ataques hackers em seu home office

Ramon de Souza 0 min

*Este conteúdo é um publieditorial.

Milhões de brasileiros passaram a trabalhar remotamente durante a pandemia da COVID-19, em uma iniciativa das empresas que visa diminuir as aglomerações e o contato social. Apesar de trazer esses benefícios claros, a adoção do home office exige um cuidado redobrado por parte dos funcionários, já que as redes e os computadores domésticos muitas vezes não são tão seguros como os empresariais, deixando os dados corporativos mais suscetíveis a ataques criminosos.

Como tudo foi muito repentino e inesperado, boa parte das empresas que adotaram o trabalho remoto não teve tempo de treinar adequadamente os colaboradores para lidar com essa questão. Então, a responsabilidade deve partir do trabalhador. Já falamos como as empresas podem lidar com essas ameaças internas e agora apresentaremos alguns cuidados bem básicos para que os funcionários mantenham a segurança.

Antes de começar a trabalhar remotamente, você deve fazer uma verificação completa em todos os seus dispositivos, checando se o seu computador está seguro contra malwares e se a sua rede de internet está devidamente protegida. Além disso, é preciso ficar atento às senhas utilizadas. Existem diversos serviços para averiguar se você teve alguma credencial vazada, então cheque isso também e, caso tenha acontecido, altere tudo imediatamente.

A responsabilidade deve ser mantida também no modo de usar o computador. Dados da ReviewBox indicam que o número de golpes virtuais usando o novo coronavírus (SARS-CoV2) como temática é alarmante, já que os criminosos estão se aproveitando do momento de vulnerabilidade social e emocional para intensificar a prática do phishing. Portanto, evite qualquer conteúdo não relacionado ao trabalho enquanto você está em home-office.

Recentemente, os cibercriminosos também estão utilizando a temática do trabalho remoto para aplicar golpes. Como as redes que você está utilizando são as domésticas, o filtro de segurança é menor, permitindo que você receba alguns emails falsos. Então, tenha muito atenção com mensagens que simulam comunicados de sua empresa ou qualquer coisa do tipo e, antes de clicar nos links, confirme a veracidade das informações.

Para manter a rede doméstica protegida, também é importante alertar todos que moram com você dos potenciais perigos. Em casos de maior necessidade, como quando se vive com idosos ou crianças, é importante tirar um tempo para ensinar noções básicas de segurança virtual e explicar os riscos que você corre.

Lembre-se de utilizar todos os recursos de segurança disponíveis, principalmente ao acessar as redes internas da empresa. Não deixe de lado as autenticações de dois fatores. Também não descuide do seu smartphone, mesmo que não utilize para o trabalho.

A responsabilidade dos funcionários e a capacidade dos gestores para manter a segurança, mesmo remotamente, serão cruciais no mercado de trabalho pós-pandemia, sendo fator chave para a consolidação ou abandono do regime de trabalho remoto por parte das grandes empresas do país.


Compartilhar twitter/ facebook/ Copiar link
Você se inscreveu com sucesso no The Hack
Bem vindo de Volta!
Massa! Você se registrou com sucesso.
Sucess! Sua conta está completamente ativada.