Read, hack, repeat

Justiça brasileira bloqueia acesso ao MEGA e outros sites similares

Ramon de Souza 0 min

Usuários brasileiros do serviço de armazenamento e compartilhamento de arquivos MEGA, fundado pelo polêmico Kim Dotcom, tomaram um susto nesta segunda-feira (30). A plataforma — junto com diversas outras — foi repentinamente bloqueada em todo o território nacional por conta de uma determinação do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP); as operadoras Claro, Vivo-Telefônica, Oi e Algar tiveram que aceitar a decisão.

O motivo exato do bloqueio ainda é desconhecido, mas, de acordo com uma apuração do Tecnoblog, a ordem partiu da Associação Brasileira de TV por Assinatura (ABTA), que confirmou estar com ações judiciais contra “sites que promovem a pirataria”, mas não citou nomes. Além do MEGA, foram bloqueados também o Openload, o oload.tv, o Alfastream.cc, o Akugyash.com, o Verystream.com e o centrelinguistique.com.

Em nota pública disseminada em seu perfil oficial no Twitter, o MEGA afirmou: “Com relação ao bloco no Brasil, acreditamos respeitosamente que a ordem está errada e que o Tribunal foi enganado. MEGA tem excelente conformidade. Estamos trabalhando em uma solução. Pedimos desculpas pelo inconveniente e agradecemos sua paciência!”.

A The Hack acessou todos os sites listados e confirmou o bloqueio. Contudo, eles continuam acessíveis através de qualquer solução de VPN que mascare o seu IP.


Fonte: TorrentFreak, Tecnoblog

Compartilhar twitter/ facebook/ Copiar link
Você se inscreveu com sucesso no The Hack
Bem vindo de Volta!
Massa! Você se registrou com sucesso.
Sucess! Sua conta está completamente ativada.