Tumblr, safe for work

tumblr_nr2ubz6I3W1slaspwo1_500.gif
 

Na última segunda-feira (3), o Tumblr — plataforma que ficou famosa por, na época de seu lançamento, ser uma alternativa mais “pop” do que o Blogger e o Wordpress — causou alvoroço na web após anunciar que não iria mais tolerar conteúdos pornográficos no serviço a partir do dia 17 deste mês. Em um extenso comunicado publicado para os seus usuários, a companhia afirma que o objetivo é tornar a rede de blogs “um lugar mais tranquilo e seguro” para todo mundo, utilizando algoritmos para detectar conteúdo impróprio.

A decisão, naturalmente, não foi encarada com bons olhos. Primeiramente, um quarto dos 130 milhões dos usuários do Tumblr estão na plataforma objetivamente para consumir conteúdo adulto. O serviço foi, durante muitos anos, a ferramenta de escolha de comunidades eróticas e profissionais que não tinham outro local para compartilhar suas, digamos, obras. Não demorou muito para que a hashtag #TumblrIsDead (Tumblr Está Morto) alcançasse os trending topics do Twitter.

Como se isso não fosse o suficiente, o algoritmo utilizado pela plataforma é um tanto impreciso e ineficaz. Vários internautas reclamaram que a inteligência artificial está categorizando imagens totalmente aleatórias como sendo conteúdo adulto — um dos casos mais emblemáticos é o deste frango cru. Os donos dos blogs podem registrar uma queixa caso acreditem que o post tenha sido excluído por engano, mas não sabemos ao certo como será o processo de revisão manual para esses incidentes.

Ao Motherboard, Jillian York, diretora internacional de Liberdade de Expressão na Electronic Frontier Foundation (EFF), relembrou que a Microsoft já fez algo parecido com o Bing e afirmou que esses casos mostram que confiar 100% em uma solução automatizada pode não dar muito certo caso a tecnologia não esteja funcionando perfeitamente. Por enquanto, o Tumblr não se pronunciou a respeito dos feedbacks negativos que a decisão vem recebendo.


While you were sleeping...

  • A agência de notícias Reuters descobriu que o vazamento de dados sofrido pela Marriott International pode ter sido fruto de uma operação de colheita de informações promovida por um grupo hacker patrocinado pelo governo da China.

  • Os cubanos finalmente terão acesso a conexão 3G em seus celulares, de acordo com um anúncio da companhia telefônica estatal Etecsa. Os pacotes, cuja franquia varia de 600 MB a 4 GB, devem custar a partir de US$ 7 (cerca de R$ 27).

  • A Waymo, projeto derivado da Google de mobilidade inteligente, anunciou o início das atividades do Waymo One, o primeiro serviço comercial de táxis autônomos dos EUA. Porém, por enquanto, apenas usuários selecionados poderão usar a novidade.

  • O famoso pesquisador Bob Diachenko alertou que dados sensíveis de mais de 82 milhões de norte-americanos estão expostas na web — tudo por culpa de servidores mal-configurados e desprotegidos encontrados através da plataforma Shodan.

 
 
 

GOSTOU?

Se inscreva e receba nossa newsletter com mais conteúdos bacanas como este.

COMPARTILHa com a galera.